COVID-19 LEVA A CND SUSPENDER ENCONTRO DE DIRETORES E FORMADORES DE ESCOLAS DIACONAIS

A nova variante do vírus SARS-COV-2, nomeada «ômicron», possui um poder de infecção muito maior que outras variantes identificadas em todo o mundo. Atualmente é a variante prevalecente no Brasil, responsável pelo aumento repentino de casos de infecções em todo o país desde as festividades no final do ano de 2021. Desde então todo o país vive uma avalanche de casos sem precedentes desde o início da pandemia em março de 2020.

No Distrito Federal a situação é preocupante. No dia de hoje, 22 de janeiro de 2022, o índice RT alcançou a marca de 2,61 (https://info.saude.df.gov.br/covid-resumo-executivo/) o que significa dizer que uma pessoa infectada pode transmitir o vírus para mais duas pessoas. Este índice tem aumentado a cada dia e já está criando um gargalo nos serviços de saúde da capital federal. As projeções estatísticas para os próximos dias não são animadoras. Em 10 dias a partir de hoje é possível que sejam identificados mais de 3,5 mil casos por dia, sugerindo um aumento significativo do espalhamento desta variante na população.

O Governo do Distrito Federal determinou a suspensão de eventos em ambientes fechados e abertos, além de retomar a norma que obriga o uso de máscaras em áreas abertas. Estas ações se tornam importantes para evitar o alastramento das infecções e impedir que ocorra o surgimento de novas variantes. A situação só não é pior para os serviços hospitalares por causa do sucesso da imunização coletiva causada pelas vacinas contra a COVID19.

Neste sentido, recomenda-se que eventos a serem realizados nos próximos 2 meses no formato presencial sejam repensados para um formato online ou remarcados. Recomenda-se também que eventos presenciais apenas sejam realizados enquanto o índice RT esteja abaixo de 1, adotando-se todos os protocolos de segurança sanitária já conhecidos e determinados em normas federais, estaduais, municipais e do Distrito Federal.

Diante do exposto, comunicamos o adiamento de nosso Encontro Nacional de Diretores e Formadores de Escolas Diaconais, previsto para março deste ano em Brasília/DF, para uma outra data a ser agendada e que as condições sanitárias sejam favoráveis.

Lamentamos, mais uma vez, termos que adiar evento de tão grande relevância para o diaconato no Brasil.

Todavia, é de salientar com gratidão, todo esforço de nossa Equipe Nacional de Assessoria Pedagógica (ENAP), na montagem e preparação do evento.

Solicito o favor de fazerem chegar este comunicado a todos os irmãos diáconos, bispos, presbíteros, Escolas Diaconais, irmãos leigos e leigas.

Esperando contar com a compreensão de todos, saúdo-os na fraternidade que nos une em Cristo Jesus.

Com estima e apreço,

Diácono Francisco S. Pontes Filho

Presidente da CND/BRASIL

Arquidiocese de Manaus

Foto: cedida

cnd.org.br

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.