Diocese do Porto, Portugal: D. Manuel Linda, instituiu no ministério de leitor cinco candidatos ao diaconado permanente da

A 28 de novembro, I domingo do Advento, na Sé do Porto, D. Manuel Linda, bispo do Porto, instituiu no ministério de leitor cinco candidatos ao diaconado permanente da Diocese do Porto: António Agostinho da Costa Teixeira (Paróquia de Folgosa, Maia), Carlos Avelino da Silva Lima (Paróquia de Rio Tinto, Gondomar), Domingos Manuel Neves Moutinho (Paróquia de Folgosa, Maia), Miguel António Fontes da Silva (Paróquia de Sanguedo, Santa Maria da Feira) e Sérgio Fernando da Silva Pinto (Paróquia de Folgosa, Maia). Na mesma celebração, instituiu também nos ministérios de leitor e acólito seminaristas dos Seminários diocesanos e da Sociedade Missionária da Boa Nova. Na totalidade, foram 18 os instituídos. A Sé do Porto encheu-se sobretudo com as suas famílias e elementos das comunidades cristãs de onde provêm.
Na homilia da celebração, o bispo do Porto exprimiu a sua felicidade por instituir «um número significativo de jovens e adultos para o único serviço ministerial, embora com a vertente da proclamação e difusão da Palavra de Deus e também a da ajuda na celebração da glória e do louvor que só a Deus pertence». Depois de se referir à ministerialidade de toda a Igreja, aduziu que «esta universalidade ministerial não impede que se confiem específicas tarefas a pessoas determinadas. É o caso destes Ministérios dos Leitores e dos Acólitos, concretização específica do dever geral do serviço e participação mais vinculante na comunhão e missão da Igreja. Se, a partir da incorporação a Cristo, pelo Batismo, todos os fiéis são corresponsáveis na vida da Igreja, vós, caros instituendos, sois mandatados expressamente para uma colaboração específica. Não a negueis e exercei-a a partir do fundamento da vossa inserção em Cristo».

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.