ORDENADOS 6 DIÁCONOS PERMANENTES EM DRACENA (SP, BRASIL), DIOCESE DE MARÍLIA (SP)

ORDENADOS 6 DIÁCONOS PERMANENTES EM DRACENA (SP), DIOCESE DE MARÍLIA (SP)

“Deveis dar testemunho de Cristo servidor ao lado dos enfermos”, ressalta bispo diocesano ao ordenar seis diáconos permanentes em Dracena, Diocese de Marília (SP)

A Missa solene, celebrada ontem, dia 20, às 19h, na Igreja Matriz Nossa Senhora Aparecida de Dracena, e presidida pelo Bispo diocesano dom Luiz Antonio Cipollini, reuniu familiares e amigos dos novos ministros ordenados oriundos da Terceira Região Pastoral, que compreende as paróquias entre as cidades de Flórida Paulista e Panorama, e que acompanharam a Ordenação Diaconal de seis de seus filhos: Dorival Nogueira Santana, José Alípio Pereira, José Antônio Cruz, Luiz Antônio Posari, Nivaldo Aparecido Mota e Rodrigo do Nascimento Ribeiro.

“O próprio Jesus se apresentou como servidor e ordenou a seus discípulos que, a seu exemplo, eles também estivessem no mundo como servidores do Reino de Deus”, ressaltou o bispo diocesano dizendo aos novos diáconos da missão que receberam da Igreja de servir aos mais pobres.

Por ocasião da Solenidade de Jesus Cristo, Rei do Universo, Dom Luiz Antonio também evidenciou o papel eclesial em abrir as consciências dos homens e mulheres na edificação de uma sociedade de justiça e fraternidade. “A Igreja não pode nem deve tomar nas suas próprias mãos a batalha política para realizar a sociedade mais justa possível. Mas também não pode e nem deve ficar à margem na luta pela justiça. Deve inserir-se nela pela via da argumentação racional e deve despertar as forças espirituais, sem as quais a justiça, que sempre requer renúncias também, não poderá se afirmar nem prosperar”, disse.

“Jesus nos convida a manifestar o Reino de Deus através de um estilo de vida coerente com a fé que professamos”, salientou o bispo diocesano e dirigindo-se aos diáconos afirmou: “deveis dar testemunho de Cristo servidor ao lado dos enfermos, dos que sofrem, dos migrantes, e refugiados, dos excluídos e das vítimas da violência e encarcerados. Assim estareis contribuindo para a construção do Reino de Deus, que se semeia nesta terra e que frutifica plenamente no Céu”.

Fonte: https://www.facebook.com/diocesedemarilia

Fotos: Vinícius Cruz | Depto. de Comunicação da Diocese de Marília

cnd.org.br

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.