São Paulo, Brasil: Quais os critérios para ser diácono permanente?

Geraldo Oliveira, de São José dos Campos (SP), é quem pergunta. Geraldo, você me dá poucas informações sobre a sua situação. Além disso, meu irmão, é bom que você saiba que cada diocese tem suas normas para o Diaconato Permanente. Por exemplo: em São Paulo, os candidatos ao diaconato permanente têm de ser casados, possuir uma situação financeira estável, a aprovação da esposa e dos filhos, passar por um longo período de formação e ter um curso completo de Teologia.

O que eu aconselho a você é procurar a sua diocese, que, no caso, é São José dos Campos. Eu não sei dizer se ela admite diáconos permanentes. Se ela admite e os tem, é preciso saber quais são os seus critérios, pois, como eu disse acima, eles variam de diocese para diocese. Vá até lá, converse com a Pastoral Vocacional e se informe direitinho. Tomara que dê certo!

É louvável o seu desejo de ser diácono permanente. Os diáconos na vida da Igreja estão a serviço da evangelização e a serviço da caridade.

Como você sabe, o diaconato é o terceiro grau do sacramento da Ordem, sendo o primeiro o episcopado e o segundo o presbiterado. O diaconato surgiu da preocupação dos apóstolos quanto ao atendimento dos pobres na Igreja primitiva. E nós temos a história bonita do diácono Estêvão, o primeiro mártir. Ele, além de exercer o serviço da caridade na comunidade primitiva, evangelizava, como registra o livro dos Atos dos Apóstolos.

Um abraço, meu irmão. Vá atrás do seu sonho e tomara que dê tudo certo.

Padre ácido Pereira

Fonte: http://www.osaopaulo.org.br

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Las siguientes reglas del RGPD deben leerse y aceptarse:
Este formulario recopila tu nombre, correo electrónico y e contenido para que podamos realizar un seguimiento de los comentarios dejados en la web. Para más información revisa nuestra política de privacidad, donde encontrarás más información sobre dónde, cómo y por qué almacenamos tus datos. Si das tu consentimiento entendemos que estas de acuerdo con nuestra política de protección de datos.