Diácono Chiquinho representará a CND no Sínodo para a Amazônia

O Diácono Francisco Salvador Pontes Filho (Chiquinho), presidente da CND, foi referendado pela Comissão Episcopal responsável pelo Sínodo para a Amazônia, para participar do importante evento como representante da Comissão Nacional dos Diáconos – CND. Como é do conhecimento de todos, o diácono Chiquinho é amanuara e conhecedor dos problemas religiosos, sociais e ambientais da Amazônia.
Abaixo a íntegra da mensagem do diácono;
Caríssimos irmãos diáconos e esposas, bom dia!
É com imensa alegria que comunico a todos e todas, a nossa participação, como Comissão Nacional dos Diáconos – CND, no Sínodo para a Amazônia, em outubro próximo no Vaticano.
Agradeço a Deus por tamanha generosidade e ao meu arcebispo dom Sérgio Eduardo Castriani, a confiança e o endosso do nosso nome; à nossa Igreja Particular que está em Manaus, e aos irmãos diáconos de todo Brasil. Ao nosso vice-presidente, diácono Júlio Cesar Bendinelli. Agradeço também aos irmãos diáconos da Itália na pessoa do meu amigo querido diácono Enzo Petrolino, presidente da Comissão Nacional dos Diáconos da Itália.
Um especial obrigado ao Santo Padre, o Papa Francisco por tão grande alegria proporcionada ao Diaconado do Brasil através da minha pessoa.
À minha esposa Cecilia e aos meus filhos, que estão comigo neste caminho sinodal.
Com gratidão de sempre, Laudato Sí!
Diácono Francisco Salvador Pontes Filho, Presidente da CND
Brasília/DF – 21 de setembro de 2019

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Las siguientes reglas del RGPD deben leerse y aceptarse:
Este formulario recopila tu nombre, correo electrónico y e contenido para que podamos realizar un seguimiento de los comentarios dejados en la web. Para más información revisa nuestra política de privacidad, donde encontrarás más información sobre dónde, cómo y por qué almacenamos tus datos. Si das tu consentimiento entendemos que estas de acuerdo con nuestra política de protección de datos.