Cinquenta números de “ Servir em las periferias”

Cinquenta números de “ Servir em las periferias”

Diác. Gonzalo
Coordinador de Servir en las periferias
Bilbau, Espanha, 1 de maio de 2019

Quase sem darmos conta passaram-se quatro anos a partir daquele 31 de março de 2015, em que iniciávamos esta aventura que é “Servir em las periferias”. Seguindo o trilho deixado pelo Informativo CIDAL – noventa e nove informativos publicados durante seis anos, desde 2007 a 2013 hoje chegamos ao número cinquenta do Informativo “Servir em las periferias”.

Pelo menos uma notícia publicada cada dia – mais de dois mil – durante os últimos cinquenta meses, todas elas relativas ao ministério diaconal no âmbito ibero-americano. Que falam de uma realidade viva, em constante crescimento, ao serviço da igreja e do mundo.

Durante este tempo “Servir em las periferias”tentou cumprir os objetivos para o qual foi criado: favorecer causas de informação e formação sobre o ministério diaconal, possibilitar um lugar de encontro entre os diáconos dos países ibero-americanos e outras pessoas interessadas no ministério diaconal e facilitar o intercâmbio de experiências pastorais no àmbito diaconal.

O balanço é sem dúvida positivo, a web e o informativo foram recolhendo, em suas diferentes secções, as principais notícias que se produziram na igreja universal e nas dioceses ibero-americanas, sendo testemunho do crescimento do ministério diaconal na igreja universal e no âmbito ibero-americano em particular. Os artigos e notícias publicadas foram um meio informativo muito interessante, sendo testemunhas da vitalidade do diaconado em nossas igrejas particulares. O informativo tem sido um instrumento para o trabalho em rede e para a comunicação do desenvolvimento deste ministério, tanto no referente à sua identidade, como às possibilidades pastorais que oferece. Cada uma das cinquenta edições publicadas são o reflexo da vida do ministério diaconal, mostrando sua vitalidade, suas possibilidades, seus desafios, suas dificuldades, suas esperanças.

É um momento para projetar o futuro. A equipe humana que mantém este projeto, os quais formam a grupo Coordenador e de Redação de “Servir em las periferias”, desejamos um crescimento e consolidação, especialmente no que se relaciona à equipe de correspondentes nacionais e diocesanos. Em relação com o conteúdo do Informativo, convidamos à participação enviando notícias e de forma especial de reflexões e estudos de tipo teológico e pastoral.

É tempo por último para agradecer a Deus por seu acompanhamento durante este tempo e a cada pessoa que – de qualquer forma – tenha colaborado tendo como único interesse o desenvolvimento do ministério diaconal para comunicar a Boa Nova do ressuscitado na igreja e no mundo.

No informativo deste mês de maio, o dia 2 de abril – como já adiantado o mês passado – foi publicado a Exortação Apostólica Pós-sinodal “Christus vivit” do Papa Francisco para todo o povo de Deus. Fica pendente uma leitura do documento para comprovar as implicações que tem para o diaconado, de forma especial relativo a esta vocação específica.

Com o motivo da celebração da missa crismal, chega-nos mais um ano, as notícias de dioceses onde os diáconos voltaram a renovar as promessas diaconais junto com os presbíteros, destaque para a arquidiocese de Paris depois do incêndio da Catedral de Notre Dame.
O informativo relata sobre a realização da XI Assembleia Geral Eleitoral da Comissão Nacional dos diáconos de Brasil, levada a cabo no Centro Pastoral Dom Fernando, da arquidiocese de Goiânia.

A Assembleia trabalhou sobre os desafios da formação dos candidatos e diáconos permanentes naquele país. No encontro foi eleito como presidente o diácono Francisco Salvador Pontes, renovando-se também a Junta Diretiva.

O diácono Miguel Ángel Herrera Parra escreve sobre “Os diáconos permanentes no Chile”, inclui-se também a terceira entrega de seu livro “Diaconia nas vinhas de Chile”.

Ações levadas a cabo em duas dioceses parecem sugestivas: a Assembleia diocesana dos diáconos permanentes da diocese do Porto em Portugal e o Primeiro Encontro vocacional para o diaconado permanente realizado na arquidiocese de Belo Horizonte em Brasil.

No capítulo das ordenações diaconais chama a atenção do alto número de ordenados em algumas dioceses, superando o número de quinze.

Na área de mulher destaca a notícia referente á questão da possibilidade de ordenação diaconal para as mulheres. No próximo dia 10 de maio o Papa Francisco terá uma reunião – trianual da União Internacional de Superiores Gerais (UISG), há três anos atrás o Papa Francisco acordou que seria bom nomear uma comissão para estudar a história das mulheres diáconos. Há informações que talvez, por esse motivo, haja uma comunicação do Papa. Sobre este tema reporta-se também a informação do Encontro realizado na Universidade Católica de Lisboa. Por último, o diácono Greg Kandra escreve sobre a situação das viúvas dos diáconos.

Festejamos hoje São José operário, mediação de Deus para acompanhar Jesus de forma silenciosa, dedicada e generosa. Sua invocação ressoa de forma especial no mundo do trabalho, mediação humana para colaborar com Deus em seu projeto criador. Partilhamos na oração de pedido ao Senhor por trabalho digno e humanizante para todos os seres humanos.

Em nome da Equipe Coordenadora e de Redação, um abraço fraterno.

Gonzalo Eguía

Tradução do original: Diacono Mario Henrique Pinto

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Las siguientes reglas del RGPD deben leerse y aceptarse:
Este formulario recopila tu nombre, correo electrónico y e contenido para que podamos realizar un seguimiento de los comentarios dejados en la web. Para más información revisa nuestra política de privacidad, donde encontrarás más información sobre dónde, cómo y por qué almacenamos tus datos. Si das tu consentimiento entendemos que estas de acuerdo con nuestra política de protección de datos.