Aveiro: Padres e diáconos discutem reorganização da diocese

Estrutura «pesada» da Cúria deve dar lugar a um modelo «mais leve» e «funcional»

 

Agência Ecclesia

Albergaria-a-Velha, Aveiro, Portugal, 30 de janeiro de 2013

 

Os padres e diáconos da Diocese de Aveiro debateram esta terça-feira, em Albergaria-a-Velha, a reorganização dos serviços centrais diocesanos e das paróquias, bem como a distribuição do clero.

 

Os participantes nas Jornadas de Formação Permanente do Clero constataram que a Cúria tem uma estrutura “pesada” que deve dar lugar a um modelo “mais leve” e “funcional”, potenciando ao mesmo tempo a evangelização, liturgia e ação social, lê-se no site da diocese.

 

No decorrer do segundo dia do encontro, dedicado ao tema ‘Da missão jubilar à Igreja que queremos ser!’, os padres e diáconos “sugeriram alterações ao organograma diocesano” e discutiram o papel dos arciprestados e das unidades pastorais, agrupamentos de paróquias constituídos por proximidade geográfica.

 

Os trabalhos de hoje começaram com uma intervenção do padre Paulo Malícia, pertencente ao Patriarcado de Lisboa, que apresentou uma “visão teológico-pastoral sobre os sacramentos de iniciação cristã” (Batismo, Confirmação ou Crisma e Eucaristia).

 

Durante a tarde realiza-se um painel centrado na catequese familiar, nos padrinhos de Batismo e na integração dos grupos de Crisma na orgânica paroquial, seguindo-se uma “síntese das perspetivas de uma ação pastoral conjunta”, refere a mesma fonte.

 

O bispo de Aveiro, D. António Francisco dos Santos, encerra as jornadas na quinta-feira.

A diocese aveirense assinala até 11 de dezembro os 75 anos da sua restauração com iniciativas espirituais, teológicas e culturais, integradas na denominada ‘Missão Jubilar’.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Las siguientes reglas del RGPD deben leerse y aceptarse:
Este formulario recopila tu nombre, correo electrónico y e contenido para que podamos realizar un seguimiento de los comentarios dejados en la web. Para más información revisa nuestra política de privacidad, donde encontrarás más información sobre dónde, cómo y por qué almacenamos tus datos. Si das tu consentimiento entendemos que estas de acuerdo con nuestra política de protección de datos.