A Diocese de Caicó, com sede na Cidade de Caicó, região Seridó do Rio Grande do Norte, conta com 4 novos diáconos permanentes – Erivan da Silva Azevedo, Jose Ari de Oliveira, Lindomar Vieira de Medeiros Júnior (celibatário) e Umberto de Araújo Medeiros. Eles foram ordenados no dia 26 de dezembro – Festa do Diácono e Protomártir Santo Estêvão – na Catedral de Sant’Ana, às 19 horas, pela oração consecratória e imposição das mãos de Dom Antônio Carlos Cruz Santos, Bispo da Diocese de Caicó.

 

Eles são de quatro paróquias diferentes. Erivan da Silva é da paróquia do Divino Espírito Santo, de Ouro Branco-RN; José Ari, da paróquia de São Francisco, de Currais Novos-RN; Lindomar Vieira, da paróquia de Nossa Senhora do Ó, de Serra Negra do Norte; e Umberto de Araújo, da paróquia de São Vicente Ferrer, de São Vicente-RN. Todos foram alunos da Escola Diaconal Mons. Ausônio Tércio de Araújo, um dos responsáveis pela implementação do Diaconado Permanente na Diocese de Caicó, juntamente com o então Bispo Diocesano, Dom Heitor de Araújo Sales, atual arcebispo emérito de Natal.

 

A celebração solene contou com a presença de quase todos os diáconos da Diocese de Caicó, além de outros da Arquidiocese de Natal, e vários presbíteros do clero caicoense, entre os quais o Mons. Tércio. O presidente da Comissão Diocesana dos Diáconos (CAD), Diácono Sérgio André de Araújo, foi quem apresentou os candidatos à comunidade eclesial e, conforme o ritual litúrgico próprio da celebração, requereu ao bispo Dom Antônio a Ordenação.

 

Fotos: Lucinete Araújo

Texto: Diác. José Bezerra de Araújo (ENAC)